IMG_20200212_171245.jpg

Reabertura da escola de Dança

A Direção Geral da Saúde e o conselho de Ministros já autorizaram a abertura de Ginásios e Escolas de Danças, ainda que com fortes medidas de prevenção e protecção.

Da lista enorme de regras a cumprir destacamos algumas que colocam em causa a nossa reabertura e condicionam a nossa decisão de abrir já ou não.

  • Dispensadores de álcool gel
  • Sinalética para definir corredor de entrada e saída
  • Uso de máscara no interior das instalações excepto crianças com menos de 10 anos, e qualquer aluno durante a aula.
  • Proíbição de uso de calçado que não seja exclusivamente usado num só local
  • Divisórias em acrílico no Balcão de atendimento
  • Processos de secretária como, inscrições, pagamentos, etc, com indicação para serem tratados via Online.
  • Proíbição de permanência na escola, caso não esteja a efectuar qualquer aula.
  • Distanciamento entre pessoas durante as aulas de 9m2 por pessoa
  • Proíbição de ajuntamentos com mais de 20 pessoas em contexto social, seja no interior ou em actividades no exterior (outdoor).
  • Possibilidade de efetuar danças a par, exclusivamente por casais/pessoas que co-habitem.

Mesmo assim, pensamos ser possível retomar algumas actividades num futuro próximo. Desta forma, estamos a pedir a todos os nossos alunos que preencham um questionário que elaboramos no sentido de perceber qual e quais as aulas e actividades que todos gostariam de voltar a realizar. Muitos de vocês já mostraram vontade em recomeçar as aulas de dança, mas apenas abriremos aulas caso haja consistência e regularidade nas turmas. Os estúdios tem cerca de 50/60m2 o que para já possibilita aulas a 5 a 6 pessoas por aula a solo ou 10/12 pessoas a par(exclusivo a co-habitantes).

Preenche o seguinte questionário, a tua opinião e o teu apoio é fundamental e vital para a continuidade do nossa Escola de Dança.

 

[fluentform id=”1″]